Antes de tudo, você sabe como é a ação da enzima lactase em nosso organismo? Ela é responsável por quebrar a galactose e a glucose em nosso intestino, permitindo que o corpo faça a digestão completa de alimentos que contenham lactose. Sua deficiência é a principal causa da má digestão à lactose, o que pode trazer uma série de desconfortos para quem sofre com esse problema.

 

Descubra a seguir alguns mitos e verdades sobre a enzima lactase:

 

A enzima perde a eficácia com o tempo

Verdade! A enzima fica ativa por algum tempo, e se você a tomar no café da manhã, por exemplo, a noite ela já não estará mais ativa, pois ela fica ativa no organismo por cerca de seis horas.

Lembrando que esse tempo pode variar entre diferentes pessoas, já que depende da quantidade de leite ingerida e do grau de má digestão à lactose.

 

A enzima deve ser tomada com certa antecedência da hora das refeições

Mito! O ideal é tomar a enzima exatamente com a primeira mordida do alimento que contém lactose, para que auxilie da melhor forma nos desconfortos sentidos no momento da digestão.

 

Existe uma relação entre a quantidade de enzima que você ingere e a quantidade de lactose presente no alimento

Verdade! Existem maneiras de calcular isso para saber a quantidade correta de enzima a ser ingerida com cada alimento. Aqui no nosso portal você consegue fazer isso através da Calculadora de Lactose.

 

A enzima não deve ser consumida diariamente.   

Mito! A enzima é bem segura e pode ser tomada todos os dias, sem problemas. No caso de Lactosil, a enzima é um fungo que foi completamente transformado e não causa dano algum, já que é exatamente igual aquela enzima que já temos em nosso organismo.

 

Conheça mais sobre o Lactosil, a enzima com uma família completa de apresentações, e não deixe de usá-lo para viver uma vida com mais liberdade!